Bombas Centrífugas – Tipos de Bombas

TIPOS DE BOMBAS E SUAS APLICAÇÕES
Pelas características de cada processo, existem bombas que melhor se adaptam a eles, especializando com isso as aplicações:
 
• Bombas centrífugas UMR: bombeamento de xarope composto de refrigerantes, xarope simples, sucos, leite, na cervejaria: mostura, mosto, cerveja, trub, levedura; água, soluções de limpeza (CIP), outras aplicações;
 
• Bombas centrífugas de múltiplos estágios: bombeamento de água, mosto quente e frio, utilização como bomba booster, bomba para pasteurização;
 
• Bombas centrífugas auto-escorvantes: bombeamento de xaropes, sucos, na cervejaria: levedura, cerveja; retorno de soluções CIP;
• Bombas helicoidais: bagaço de malte, levedura, líquidos viscosos, terra diatomácea utilizada no filtro de xarope de refrigerantes ou filtro de cerveja;
 
• Bombas de lóbulos: levedura, líquidos viscosos (caramelo de milho, extrato de malte, xarope de açúcar) etc;
 
• Bombas de êmbolos rotativos: líquidos viscosos (onde são exigidas maiores alturas de sucção e contrapressões do que a bomba de lóbulos);
 
• Bombas de diafragma (ar comprimido): mosto, outros fluidos que contenham sólidos em suspensão, lodo na estação de tratamento de efluentes;
• Bombas dosadoras de pistão e membrana: dosagem precisa de levedura, terra diatomácea, aditivos, insumos, produtos químicos, inclusive líquidos viscosos;
 
• Bombas peristálticas: terra diatomácea, produtos químicos;
• Bombas de vácuo: para retirar o ar presente nas garrafas durante o processo de enchimento (pré- evacuação);
• Bombas submersas UMR: estações de tratamento de água e efluentes industriais.
Fonte:  Matthias R. Reinold 

Published by admin

UMR Equipamentos Industriais, indústria de bombas centrífugas e equipamentos industriais para as indústrias de base, cítrica, mineração, papel e celulose, usinas e indústrias alimenticias.